A presença obriga(da)tória

Junho 8, 2007 às 7:45 pm | Publicado em Blog, Cinema, Pessoas | Deixe um comentário

Ontem tive o prazer de partilhar o mesmo recinto que o grandioso Robert De Niro. Claro que quase senti um fio de baba a escorrer pelo queixo mas recompus-me rapidamente de forma a manter a postura mais profissional possível. Não foi difícil porque ele também não fez questão em fascinar.

Sei que ele é assim, discreto e sem grandes festas para com os jornalistas. Ele não foi indelicado, desenganem-se, mas lá que podia ter respondido com um bocadinho mais de vontade, podia.

As perguntas também não foram as melhores, verdade. Confesso que saí de lá com pena de não ter ouvido algo interessante da boca dele. Admito também que não é por isso que, da próxima vez que o encontrar (caso isso aconteça), os meus olhinhos vão continuar a idolatrá-lo.

Anúncios

Deixe um Comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d bloggers like this: